Reservatório da Atalaia, Beja

Estes trabalhos arqueológicos realizaram-se, entre fevereiro de 2013 e janeiro de 2014, no âmbito do empreendimento de ampliação do Reservatório da Atalaia, promovido pela empresa Águas Públicas do Alentejo, S.A. e executado pela empresa Oliveiras S.A. – Engenharia e Construção.

Todos os trabalhos que implicaram mobilização de solo tiveram o devido acompanhamento arqueológico presencial, tendo a desativação de vazadouros e de estaleiro sido monitorizada pela equipa de acompanhamento arqueológico da ERA.

Durante a execução dos trabalhos apenas foram detetadas duas estruturas negativas (uma possível fossa, a qual se veio a verificar após escavação arqueológica tratar-se de uma vala mecânica). Estas, após a tutela ter definido medidas de minimização, foram intervencionadas e registadas pelo acompanhamento arqueológico, tendo a obra prosseguido sem interferências de maior.