Monte da Ribeira 2 - Bloco 9

A necrópole do Monte da Ribeira 2, situada no Concelho de Mourão, foi identificada por Abel Viana e por Fernando Nunes Ribeiro, tendo sido intervencionada pela equipa da ERA Arqueologia em dois sectores, abrangendo as escavações arqueológicas uma área total de 106m2. Foi identificado um edifício, de funcionalidade desconhecida e decronologia indefinida (período medieval ou moderno), e escavadas integralmente três sepulturas em cista da Idade do Bronze. O sítio implanta-se numa pequena e aplanada plataforma a partir da qual se tem domínio visual sobre parte do vale da Ribeira de Alcarrache (Valera, 1999:5). Esse local encontra-se diluído na paisagem envolvente, sendo a visibilidade limitada a este e a sul por relevo mais elevado, abrindo-se a norte e a oeste, possibilitando a observação do povoado do Monte do Tosco 1 (Valera, 1999:6).

Após a visita de Abel Viana e Nunes Ribeiro à Herdade do Monte da Ribeira, que deram a conhecer mais uma necrópole argárica, a intervenção arqueológica realizada no final do milénio contribuiu para o conhecimento exaustivo de três sepulturas que podem ser integradas no Bronze Pleno. Apesar das sepulturas 1 e 2 terem sido possivelmente violadas, foi possível identificar os vestígios de uma inumação da sepultura 2. Mas, a sepultura 3 revelou ser a mais interessante deste conjunto, devido à sua arquitectura e ao facto de existirem os restos de outra inumação, desta vez com espólio associado (base de uma taça em calote). Assim, na base da cista, terá sido depositado o corpo de um indivíduo adulto, provavelmente do sexo masculino (Valera, 1999:41).