Requalificação da Calçada da Ajuda, Lisboa

Os labores de acompanhamento arqueológico do Projecto “Espaço Público de Requalificação da Calçada da Ajuda” foram adjudicados à ERA-Arqueologia pela Costa e Carvalho, Lda., tendo decorrido entre 2014 e 2016.

A empreitada realizada ao longo da Calçada da Ajuda teve em vista a abertura de valas para a implantação de uma nova estrutura de saneamento apoiada pelos diversos ramais de ligação às habitações. Este processo consistiu na construção in situ de um conjunto de caixas ligadas através de manilhas de betão.

Simultaneamente, foi ainda efetuada a renovação da rede eléctrica pública, tendo, para isso, sido abertas pequenas valas junto aos passeios. Dada a sua extensão, o projeto foi dividido em três fases.

Foi identificado um conjunto de estruturas ligadas ao saneamento e ao escoamento de águas pluviais construídas na segunda metade do século XIX e relacionadas, à época, com preocupações de higiene e saúde pública. Parte dos caneiros observados integra o modelo vigente, vulgarmente conhecidos por colectores “em cascão”.

Registou-se também um conjunto muito pouco significativo de materiais, como fragmentos de cerâmica vidrada (na vala da conduta principal), faiança (na vala junto ao passeio do Palácio de Belém) e cerâmica comum (na travessia para a Junta de Freguesia). Cronologicamente, enquadram-se no período moderno/contemporâneo.