Programa Polis do Litoral Sudoeste, Praia da Mareta

A prospeção arqueológica sistemática realizada na Praia da Mareta, no âmbito do empreendimento Programa Polis do Litoral Sudoeste, nas áreas a afetar pelas empreitadas de valorização e qualificação de espaços balneares e de reposição das condições de ambiente natural, decorreu entre os dias 20 e 22 de Janeiro de 2014.

Não foram identificados elementos patrimoniais ou arqueológicos que fossem alvo de afetação direta resultante das obras a realizar. Todos os trabalhos incidiram em zonas onde já existiam infraestruturas construídas, aterros ou sobre o substrato rochoso. No entanto, identificou-se uma estrutura (possível forno de telha, provavelmente relacionado com os vestígios já identificados em trabalhos anteriores (CNS 904 (http://arqueologia.igespar.pt/)), devendo efetuar-se o acompanhamento da desmatação nesta área e registar a ocorrência.