Convento dos Lóios, Largo dos Lóios, n.º 10, Lisboa

Estes trabalhos de diagnóstico arqueológico enquadraram-se no projeto de requalificação do edificado conhecido como Convento dos Lóios, sito no Largo dos Lóios, n.º 10, em Lisboa. Adjudicados à ERA-Arqueologia pela Primosfera Investimentos Imobiliários, Lda., decorreram entre os dias 30 de Setembro e 14 de Outubro de 2016.

O diagnóstico consistiu na realização de 12 sondagens arqueológicas manuais, implantadas em áreas afetas às denominadas sondagens de prospeção (SP1 a SP12), no sentido de facultar informação ao projeto de estabilidades, nomeadamente, no que concerne à consolidação das estruturas arquitectónicas e, do mesmo modo, diagnosticar a estratigrafia arqueológica presente no local.

Este edificado apresenta um longo historial, que remonta pelo menos ao século XIII, com a fundação da primitiva Igreja, tendo sofrido inúmeras alterações ao longo dos tempos até aos nossos dias. As sondagens realizadas, intervencionadas no máximo a 1 metro de profundidade, são testemunha destas alterações.

Um dado comum foi a escassez de material recolhido, maioritariamente proveniente de contextos de aterro, fruto das alterações que este espaço foi alvo em épocas mais recentes. Foi notória a presença de material mais antigo, que poderá remontar ao século XVII, em conjunto com material de época contemporânea, já do século XX. Esta falta de elementos dificultou a datação das várias estruturas e contextos registados.

Face ao exposto, verificou-se a necessidade da realização de mais trabalhos de diagnóstico arqueológico que permitissem conhecer o potencial arqueológico e arquitectónico dos vários edifícios que compõem esta propriedade.

Nesse sentido, e em conformidade com parecer da DGPC, preconizou-se a realização de um extenso programa de sondagens parietais, que possibilitassem responder a algumas questões suscitadas pela análise das plantas do edificado existente, bem como a outras originadas pelos resultados desta intervenção. As sondagens parietais deveriam ser conjugadas com algumas sondagens de solo que propiciassem uma leitura arquitectónica e estratigráfica das várias realidades aqui presentes.