EIA - Património Arqueológico na área do Parque Alqueva

Adjudicada pela Ecossistema, Lda., a ERA-Arqueologia desenvolveu trabalhos arqueológicos no âmbito do Descritor Património do Estudo de Impacte Ambiental do Parque Alqueva. Os trabalhos incidiram na Herdade das Areias e Cebolinhos, na Herdade do Roncão D’El Rey e na Herdade do Pastoro, localizadas nas freguesias do Corval e do Campo, concelho de Reguengos de Monsaraz.

Inicialmente, foi realizado um levantamento bibliográfico, documental e cartográfico sobre o património nas áreas em estudo, procedendo-se, de seguida, a trabalhos de relocalização dos sítios identificados. Porém, a maioria dos sítios não foram relocalizados, ora porque já estariam submersos, ora porque teriam desaparecido ao longo do tempo devido a acção humana. Posteriormente, desenvolveram-se prospecções sistemáticas em cada uma das herdades mencionadas.

Assim, na Herdade das Areias e Cebolinhos foram referenciados 52 sítios arqueológicos e etnográficos, dos quais 23 foram identificados em campo. Aqui, durante os trabalhos dos investigadores Leisner, nos anos 50, haviam sido inventariados cerca de 19 monumentos megalíticos, no entanto, na maioria dos casos, estes monumentos já não se encontravam conservados.

Na Herdade do Roncão D’El Rey foram referenciados 37 sítios de valor arqueológico e etnográfico, 13 dos quais foram relocalizados/identificados no decorrer das prospecções. Foi possível constatar que grande parte dos sítios inventariados se encontravam submersos pela subida das águas da Barragem do Alqueva.

Por fim, na Herdade do Pastoro foram identificados 3 sítios de valor etnográfico no decorrer desta intervenção.