Parque Eólico do Monte do Tolo, Vila do Bispo

A inventariação do património arqueológico e arquitectónico no âmbito do Estudo de Impacte Ambiental da área afectada pela implantação do Parque Eólico do Monte do Tolo, em Vila do Bispo, e do corredor de transporte de energia eléctrica à substação de Portimão, foi adjudicada à ERA-Arqueologia pela Strixplus, Consultadoria e Gestão, Lda.

Numa primeira fase foi realizado um levantamento documental, bibliográfico e cartográfico sobre o património que se localizava na área a afectar, nos concelhos de Vila do Bispo, Bensafrim, Odiáxere, Lagos e Portimão. Foram também realizados contactos com o Dr. António Faustino Carvalho e com o Prof. Doutor Nuno Bicho, da Universidade do Algarve.

Deste prévio levantamento identificaram-se e implantaram-se em suporte cartográfico os sítios de valor patrimonial, na área a ser intervencionada pela obra. Posteriormente, com as coordenadas de cada um desses sítios, procedeu-se à sua relocalização no terreno. Após esta fase, efectuaram-se trabalhos de prospecção sistemática no local de implantação dos aerogeradores e selectiva na área de implantação do Parque Eólico e no corredor, entre os dias 2 a 6 de Maio de 2005.

Neste trabalho foram inventariados 3 sítios de valor patrimonial, 9 estruturas de valor etnográfico e 19 de valor arqueológico. Como medidas de minimização, propuseram-se o acompanhamento arqueológico nas movimentações de terras a efectuar durante a fase de execução do projecto, bem como a prospecção sistemática da alternativa seleccionada nas fases subsequentes de Estudo de Impacte Ambiental.