Torre de Aires, Tavira

As ações de acompanhamento arqueológico efetuadas no âmbito da empreitada de abertura de valas para instalação de cabos eléctricos e plantação de árvores numa zona contígua à Torre de Aires, em Tavira, decorreram entre 1 e 6 de Outubro de 2007 e 13 e 15 de Fevereiro de 2008.

Estes trabalhos tiveram como objectivo principal a detecção de eventuais vestígios arqueológicos que pudessem ser afectados na área do projecto de implantação de infraestruturas, bem como a protecção e salvaguarda dos mesmos e efectuar a sua caracterização em termos de valor científico e patrimonial.

Durante o acompanhamento arqueológico não foram identificados contextos arqueológicos preservados. Apenas foram observados contextos de aterro/entulho, com materiais de construção contemporâneos e alguns vestígios de cerâmica comum, cerâmica vidrada e faiança descontextualizados. Estes materiais surgiram nas camadas superiores, tendo sido alvo de revolvimentos.