Metropolitano de Lisboa, Prolongamento da Linha Vermelha

A ERA-Arqueologia realizou o acompanhamento arqueológico nas diferentes frentes de obra integradas na Empreitada ML 644/04 – Execução dos Toscos entre a Estação do Oriente e a Estação do Aeroporto, da Linha Vermelha, do Metropolitano de Lisboa. Estes labores decorreram entre Abril de 2007 e Abril de 2010.

A grande duração deste trabalho, por um período superior a 3 anos, verificou-se face à extensão deste projecto e à multiplicidade de frentes de obra que o integraram, que apresentaram diferentes e distintas fases de progressão. Efectivamente, o acompanhamento arqueológico decorreu em 11 frentes de obra distintas, sendo que algumas delas integravam ainda distintas áreas afectas.

De destacar que na Frente de Obra PV 192, e imediatamente após a respectiva decapagem, procedeu-se à sondagem arqueológica manual, tal como estipulado no projecto.

De um modo genérico, e como conclusão dos trabalhos de acompanhamento arqueológico realizados, na grande maioria das frentes de obra não foram identificados nenhuns vestígios arqueológicos relevantes. Consequentemente, não houve necessidade de interrupção das actividades construtivas e não se recolheram materiais arqueológicos, com excepção de alguns casos.