Linha Portimão-Tunes, Poste nº 97/167, sítio de Calvos 1

Realizados entre 13 e 24 de Agosto e 3 e 7 de Setembro de 2007, os trabalhos arqueológicos no sítio de Calvos 1 (Poste nº 97/167 da Linha de Portimão-Tunes) desenvolveram-se no âmbito da aplicação das medidas de minimização dos impactes negativos que uma obra provocaria sobre este sítio arqueológico.

Na primeira fase dos trabalhos foram escavadas quatro sondagens arqueológicas, com uma área total de 17.64 m², seguindo-se um segundo momento que correspondeu ao alargamento da sondagem 1 escavada anteriormente.

Na primeira intervenção, identificou-se nas sondagens 1 e 4 o que poderia ser uma estrutura negativa escavada no substrato geológico, preenchida com diversos depósitos de sedimentos diferentes, com presença frequente de blocos pétreos e fragmentos de telha. Em todos os depósitos foram recolhidos materiais arqueológicos integráveis numa cronologia medieval/islâmica.

A segunda fase da intervenção consistiu no alargamento da sondagem 1, tal como fora expresso em parecer do IGESPAR. Devido à dimensão relativamente reduzida da área afectada, não foi possível estabelecer qual a funcionalidade das realidades arqueológicas identificadas.

Os vestígios identificados no local da intervenção estariam possivelmente relacionados com uma ocupação humana existente na plataforma superior. Nesta plataforma foram identificados, em grande quantidade, materiais cronologicamente semelhantes aos recolhidos nas sondagens arqueológicas. Finalizada a escavação arqueológica, as obra prosseguiram com acompanhamento arqueológico.