Rua de Santa Isabel, nº 47-53, Portimão

Estes trabalhos arqueológicos inseriram-se numa perspectiva de minimização de impactes patrimoniais face aos trabalhos de movimentações de terras previstos no âmbito da empreitada de reabilitação do edifício sito na Rua de Santa Isabel, nº 47-53, em Portimão. Realizaram-se duas sondagens de diagnóstico, numa área total de 30m², não se tendo registado contextos arqueológicos preservados.

Na sondagem 1 registou-se, na extremidade Norte, uma estrutura construída em argamassa, que se interpretou como uma infraestrutura relacionada com o escoamento de águas. Identificou-se ainda uma estrutura negativa, junto ao perfil NW, de funcionalidade indeterminada. Na restante área da sondagem registou-se quase à superfície o substrato geológico (rocha calcária).

Os contextos intervencionados na sondagem 2 reportaram-se a uma área exterior, possivelmente um pátio, implicando uma organização do espaço diferenciada da última utilização deste imóvel. Identificou-se um pavimento construído em seixos de basalto (calçada) delimitado por dois muros, um dos quais ainda em utilização. Registou-se um terceiro momento distinto de utilização deste espaço, a saber, duas estruturas negativas cujos depósitos de enchimento corresponderam a entulhos/aterros, cronologicamente enquadráveis nos séculos XIX-XX.

Todos os contextos identificados nesta escavação corresponderam a realidades cuja construção/formação se processou em época contemporânea (séculos XIX/XX).