Largo do Chafariz de Dentro ao Terreiro do Trigo, Lisboa (diagnóstico)

Os trabalhos arqueológicos realizados, em 2008, na área entre o Chafariz d'El-Rei e a Rua do Terreiro do Trigo, em Lisboa, enquadraram-se numa perspectiva de diagnóstico do potencial arqueológico das áreas a afectar pela obra de implementação do Projecto dos Interceptores do Largo do Chafariz de Dentro — Cais do Sodré.

Trata-se de uma área extremamente sensível do ponto de vista arqueológico, podendo integrar vestígios de ocupações humanas que remontam ao período romano. Além disso, com base nos dados arqueológicos e históricos, é possível afirmar que, no séculos XVI e XVII, esta zona seria localizada nas margens da cidade de Lisboa, com acesso ao rio e às mercadorias que aportavam à capital do país.

O objectivo destes labores foi realizar um diagnóstico prévio que permitisse fundamentar, planear e orçamentar todas as intervenções arqueológicas subsequentes, quer de escavação, quer de acompanhamento de obras, assim como fornecer dados fundamentais para o planeamento da empreitada geral. Neste sentido, foram realizadas sete sondagens arqueológicas de diagnóstico manuais, implantadas em áreas a afectar pela obra.

Detectaram-se estruturas e contextos arqueológicos de natureza vária, como muros, pavimentos, canalizações e áreas de lixeira da segunda metade do século XVII. Considerando as realidades identificadas, preconizou-se como medida de minimização o acompanhamento arqueológico e a escavação arqueológica manual consoante os contextos observados.