Calçada do Cabra, Lisboa

Estes trabalhos visaram a minimização do impacte sobre o património resultante da execução de uma vala para colocação de um sistema de telecomunicações na Calçada do Cabra (Lisboa), em zona de Nível 2 segundo o PDM. O acompanhamento arqueológico decorreu nos dias 5 e 6 de Setembro de 2008.

Aquando da chegada da nossa equipa já havia sido aberto um troço de 18 metros de comprimento, porém, os depósitos decorrentes de tal escavação correspondiam exclusivamente a camadas de areão. Foi também acompanhada a abertura de um troço de 5,20 metros de extensão e de uma segunda vala com 2 metros de comprimentos, registando-se a presença de uma estratigrafia linear composta por calçada, respectiva preparação e areão.

No decurso das acções de acompanhamento realizadas na Calçada do Cabra não foi detectada qualquer evidência material de carácter arqueológico. Concluída a intervenção, consideraram-se cumpridos os objectivos subjacentes ao plano de trabalhos aprovado pelo IGESPAR-IP.