Edifício da Benetton, Rossio, Lisboa (conservação e restauro)

Os trabalhos de conservação e restauro de painéis de azulejos do séc. XVIII existentes no edifício Benetton, no Rossio, em Lisboa, foram realizados pela ERA para a Benetton Realty Portugal – Imobiliária, S.A. A intervenção de campo decorreu em duas fases, tendo a primeira sido realizada no segundo quartel de 2009 e a fase seguinte no início de 2010.

Os elementos azulejares em questão são lambris, forras e barras/rodapé que revestem as paredes do 3º andar e troços de escadaria deste imóvel. Tendo em conta o estado dos painéis, que mantinham elementos originais, considerámos que a recuperação dos mesmos deveria assentar numa perspectiva de preservação de um documento histórico. Isto é, foi dada prioridade à unidade de conjunto, independentemente da localização específica de alguns painéis.

Trabalhos de conservação e restauro.

Considerando a demolição de algumas paredes, devido à adaptação dos espaços às necessidades do presente, os painéis levantados foram recolocados nas novas superfícies criadas, bem como nas que não possuíam inicialmente azulejos. Estes foram restaurados em toda a sua extensão. No caso dos que se mantiveram no sítio, permaneceram as evidências das intervenções anteriores no que diz respeito à troca pontual de elementos individuais, permitindo dessa forma valorizá-los enquanto documentos do passado.

Os painéis deveriam ser alvo de observações regulares. Sabendo que, em Abril de 2010, os elementos de património integrado ficaram estabilizados, a evolução do seu estado de conservação poderia ser avaliada a partir de então, medindo e contabilizando alterações na situação de referência criada.