Avenida Sanches Miranda, Évora

Os trabalhos arqueológicos realizados no âmbito do projecto de abertura de valas para a colocação de infraestruras de telecomunicações na cidade de Évora, mais concretamente na Avenida Sanches Miranda/EN380, foram adjudicados à ERA pela Fujitsu e decorreram no dia 2 de Outubro de 2012.

O objectivo foi a detecção de eventuais vestígios arqueológicos afectados pelo desenvolvimento das obras, bem como a sua caracterização em termos valor científico e patrimonial e a proposta de eventuais medidas de minimização de impacte. Além disso, através da definição de uma estratégia geral de intervenção, visou-se garantir a execução de todos os trabalhos de construção civil previstos, compatibilizando a sua evolução com a salvaguarda do património arqueológico.

Assim, o acompanhamento arqueológico concretizou-se, como se referiu, durante a abertura e escavação das valas, procedendo-se à observação atenta dos sedimentos escavados e dos cortes para a eventual detecção de vestígios arqueológicos. Não foram identificados quaisquer vestígios de valor patrimonial.