Rua de São Bento, 562-570, Lisboa

Realizada no âmbito da remodelação do edificado sito nos números 562-570 da Rua de São Bento, em Lisboa, esta intervenção decorreu em Janeiro de 2017. Apesar da empreitada ter começado antes da chegada da equipa de arqueologia, o que supôs a remoção, sem diagnóstico prévio e acompanhamento, de parte da estratigrafia existente, foi ainda assim possível fazer uma leitura da estratigrafia do local.

Logrou-se compreender a sucessão de unidades estratigráficas na área do terreno onde não existia cave. Por outro lado, na parcela onde existia a cave, foi possível vislumbrar os diferentes momentos de utilização do edifício, tendo-se reconhecido os vestígios mais antigos deste, nomeadamente a fundação do muro Este. Não foram encontrados quaisquer vestígios arqueológicos anteriores ao edifício.

Verificou-se ainda a presença de um forno de duas câmaras integrado na parede mais antiga do edifício e coberto por uma parede mais recente. A escassez de materiais não permitiu uma datação inequívoca destes contextos; no entanto, propôs-se uma cronologia para a fase mais antiga do edifício entre finais do século XVIII e o século XIX.