Rua Fernandes Tomás, 59-61, Lisboa

Desenvolvida entre 28 de Junho e 11 de Julho de 2011, esta intervenção consistiu no acompanhamento arqueológico no âmbito da reconversão urbana dos n.ºs 59 e 61 da Rua Fernandes Tomás. A área referenciada localiza-se na respectiva zona de nível 2 do Plano Director Municipal de Lisboa (em vigor à data de realização dos trabalhos).

Os trabalhos arqueológicos em questão visaram a minimização de impactes sobre eventuais vestígios, patrimoniais e arqueológicos afectados pelo referido empreendimento. Neste diagnóstico foi possível identificar um pavimento em tijoleira, bastante obliterado, de período contemporâneo, com uma extensão pouco superior a dois metros quadrados, bem como escassos fragmentos de cerâmica comum de ampla cronologia e de azulejo de período moderno.