Sistema Interceptor de Beja, Terras Frias 3

Integrada na minimização de impactes resultantes do empreendimento do Sistema Interceptor de Beja, esta escavação arqueológica foi realizada no sítio de Terras Frias 3, localizado na freguesia de Santiago Maior, concelho de Beja.

Executados entre os dias 7 de Janeiro e 28 de Abril de 2015, os trabalhos corresponderam à escavação de um conjunto de vestígios datáveis de período romano identificados no decorrer do acompanhamento de operações de instalação de novas infraestruturas de saneamento na área envolvente da cidade de Beja.

As estruturas e contextos identificados correspondem a um conjunto de vestígios da pars rustica de uma villa romana, tendo sido possível ao longo desta intervenção aferir a evolução ocupacional deste local, desde a sua fundação no século I d.C. até aos nossos dias.

Devido às cotas de afetação previstas para a colocação destas infraestruturas, ultrapassando os 3.5 m de profundidade, não se previa a preservação de vestígios arqueológicos ao longo do traçado deste coletor. Assim, todos os vestígios identificados foram registados gráfica e fotograficamente, sendo posteriormente alvo de desmonte.