Rua da Madalena, n.º 40, Faro

Estes trabalhos arqueológicos foram realizados no âmbito do projecto de reconstrução do edifício de habitação sito na Rua da Madalena, n.º 40, em Faro. Adjudicados à ERA-Arqueologia pela ARTICABANA, Unipessoal, Lda, decorreram entre os dias 1 de Junho e 20 de Julho 2020.

Levaram-se a cabo trabalhos arqueológicos de diagnóstico (2 sondagens de diagnóstico nas áreas afectas à construção do imóvel) e acompanhamento de obra. Durante a empreitada, foram identificados contextos arqueológicos relacionados quer com o traçado pré-urbano da cidade (sondagem 1), quer com uma ocupação mais antiga, enquadrada em cronologias de época romana (sondagem 2).

Mais concretamente, na sondagem 1, foram recolhidos materiais arqueológicos compostos por cerâmica comum, faiança e numismas que remetem para cronologias de época moderna e contemporânea. Já na sondagem 2, foram recuperadas cerâmicas (comum e vidrada) e faiança datadas dos períodos moderno e contemporâneo. No entanto, uma estrutura concentrava uma elevada quantidade de material arqueológico, cuja amostra, constituída por cerâmica comum, t.sigillata, vidro e metal (prego), enquadra-se em cronologias de época romana.

A demolição parcial do edificado permitiu identificar um conjunto de alterações, sobretudo, na viragem para o século XX, que se consubstanciam no aumento do espaço habitacional. Para tal, foram encerrados acessos e construídas novas divisórias, o que obrigou, nomeadamente, à anulação do pátio como espaço de lazer.

Ao nível construtivo, está presente uma conjugação de materiais (taipa, pedra alvenaria, tijolo de dois furos), assim como a aplicação de diferentes elementos de ligação (quer de cal e areia, quer de cimento).