IC13 – Alter do Chão/Portalegre, Herdade do Matinho

Realizados entre 10 e 13 de Abril de 2007, os trabalhos arqueológicos no sítio da Herdade do Matinho enquadraram-se numa perspectiva de avaliação prévia do potencial arqueológico da zona a afectar pelas obras de construção do IC13 – Alter do Chão/Portalegre (incluindo a ligação ao Crato e Flor da Rosa), promovidas por Estradas de Portugal, sendo a execução da obra da responsabilidade da OPCA, SA.

Esta intervenção surgiu na sequência do acompanhamento arqueológico da obra, no decurso do qual se identificara uma concentração de pedra associada a fragmentos de telha incaracterística. Face a esta situação, foi definido em reunião (a 29 de Março) com representantes do EP, IPA, OPCA e consórcio ERA-OMNIKNOS, a realização de uma escavação arqueológica.

A escavação teve como principais objectivos obter uma avaliação o mais completa possível do terreno a afectar, devendo assegurar a obtenção dos dados que permitissem realizar o registo e interpretação dos contextos identificados, bem como diagnosticar conclusivamente a cronologia e o valor científico e patrimonial das realidades presentes.

A área intervencionada na Herdade do Matinho não permitiu caracterizar este sítio do ponto de vista estrutural, no entanto, culturalmente, os escassos materiais recolhidos apontam para uma ocupação da Antiguidade Tardia. De facto, esta zona da plataforma, a ser afectada pela construção do IC13, pareceu encontrar-se já bastante revolvida, tendo-se encontrando uma fossa recentemente aberta sob a aparentemente compactada “carapaça pétrea” observada em toda a área escavada.

Deste modo, o nosso parecer foi no sentido de libertar esta zona para acompanhamento arqueológico de obra.