Conduta Autora do Monte do Zebro e Bairro da Misericórdia, Campo Maior

Este acompanhamento arqueológico foi realizado no âmbito das actividades de construção da Conduta Autora do Monte do Zebro e da implementação de novas infraestruturas no Bairro da Misericórdia, em Campo Maior. Os trabalhos iniciaram-se em Dezembro de 2010 e terminaram em Junho de 2011.

De cariz agrícola, a zona em questão situa-se nas proximidades do Monte do Zebro, onde se encontra o Povoado do Monte do Zebro, de cronologia neo-calcolítica, com características morfológicas pouco definidas, já que se encontrava em mau estado de conservação. Esta fora alvo de intervenção aquando da construção dos novos depósitos de água, na altura sob a alçada das Águas do Norte Alentejano.

Já a empreitada no Bairro da Misericórdia relacionou-se com a implementação de novos ramais de água potável. Todo o percurso de obra teria cerca de 2 km de extensão, sendo o objectivo do acompanhamento a salvaguarda do património arqueológico, etnográfico e patrimonial a surgir durante os trabalhos de escavação e já identificados na área envolvente à obra.

Assim, as medidas de minimização de impacte compreenderam o registo fotográfico da progressão dos trabalhos nas diversas zonas afectas às obras, assim como o preenchimento sistemático das fichas de acompanhamento arqueológico. Ao longo de todos os trabalhos efectuados não foram identificados quaisquer vestígios arqueológicos, etnográficos ou patrimoniais.