Vila Real

Remodelação do prédio da Rua Mouzinha da Silveira, Porto

No âmbito da remodelação de um edifício no centro histórico do Porto a Era, arqueologia

Rua do Poço, Chaves

Foram efetuadas sondagens de diagnóstico arqueológico no âmbito da remodelação de um edifício na Rua do Poço.

R. General Sousa Machado (Chaves)

Trabalhos arqueológicos

Ermida de São Pedro, Campo Maior

A intervenção da ERA Arqueologia visou o diagnóstico do potencial arqueológico da Ermida de São Pedro, no âmbito do projecto de valorização e salvaguarda do imóvel desenvolvido pela autarquia.

Biblioteca Municipal de Mértola

No âmbito do projecto de reabilitação e ampliação da Biblioteca Municipal de Mértola, a intervenção da ERA visou a minimização de impactes sobre o património arqueológico.

Ermida do Mártir Santo e Casa da Ermitoa (2ª Campanha), Vila Franca de Xira

O prolongamento das escavações arqueológicas de emergência levadas a cabo na Ermida do Mártir Santo e Casa da Ermitoa realizou-se entre 6 de Setembro e 7 de Outubro de 1998.

Bloco 10, Lameira 1, Alandroal

Perante a insuficiência de dados obtidos com trabalhos efectuados em 1998, e a perspectiva de se poder identificar elementos concretos quanto à ocupação deste sítio, considerou-se pertinente a realização de nova campanha em 1999.

Centro de Conferências Vasco Vilalva, Évora

As sondagens arqueológicas realizadas pela ERA no Centro de Conferências Vasco Vilalva, em Évora, tiveram lugar entre 5 de Março e 5 de Abril de 2001 e decorreram no âmbito da arqueologia preventiva.

Muralha Norte do Castelo de Avis

O objectivo desta intervenção consistiu na aplicação de uma medida de minimização do impacte negativo sobre o património arqueológico das movimentações de terras efectuadas no âmbito da reparação do sistema de drenagem junto à Muralha Norte do Castelo de Avis.

Diagnóstico de Pintura Mural, C.C. Vasco Vilalva, Évora

A Fundação Eugénio de Almeida solicitou à ERA a realização de um estudo sobre o estado de conservação de um elemento de pintura mural, localizado na sala de acesso ao Centro de Conferências Vasco Vilalva, situado no centro de Évora

Fonte da Senhora 5

Os trabalhos da ERA neste local visaram caracterizar os vestígios identificados nas prospecções no que respeita à sua topografia, cultura material, cronologias de ocupação e limites físicos.

A7/IC5 - Sub-lanço Basto/Ribeira de Pena

Nas prospecções realizadas não se identificaram sítios com interesse patrimonial. No entanto, a pesquisa bibliográfica efectuada e a leitura da topografia local sugeriram a existência de sítios com valor arqueológico e patrimonial nas imediações do traçado projectado.

Mosaico de Boca do Rio, Vila do Bispo

A ERA-Arqueologia efectuou o diagnóstico do estado de conservação do pavimento de mosaico deste sítio arqueológico, avançando também com proposta de intervenção de recuperação sobre o mesmo.

A10 - Sublanço Carregado/Benavente

Estes trabalhos surgiram no âmbito do Relatório de Conformidade Ambiental do Projecto de Execução da autoestrada A10, Sublanço Carregado/Benavente.

Avenida Diogo Leite, n.º 442, Vila Nova de Gaia

A ERA-Arqueologia levou a cabo trabalhos de acompanhamento arqueológico no âmbito da empreitada de remodelação do imóvel sito na Av. Diogo Leite, n.º 442, em Vila Nova de Gaia.

Parque Eólico do Monte do Tolo, Vila do Bispo

A inventariação do património arqueológico e arquitectónico no âmbito do Estudo de Impacte Ambiental da área afectada pela implantação deste parque eólico foi adjudicada à ERA-Arqueologia pela Strixplus, Consultadoria e Gestão, Lda.

Praça João Mantas, Alverca do Ribatejo

Na sequência de uma solicitação da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, levaram-se a cabo trabalhos arqueológicos no edifício da antiga câmara de Alverca, onde recentemente se havia identificado um compartimento subterrâneo.

Estação Arqueológica de Vila Fria, Silves

As sondagens arqueológicas de diagnóstico tiveram os seguintes desígnios: avaliação do grau de impacte sofrido; definição dos limites do sítio arqueológico; avaliação do potencial arqueológico de Vila Fria; e avaliação do potencial do sítio quanto a uma possível valorização e musealização.

Sítio da Lezíria, Castro Marim

A realização de uma sondagem arqueológica neste sítio teve como objectivo aferir os impactes negativos da abertura de uma vala para implantação de um estaleiro, no âmbito de uma empreitada das Águas do Algarve

Cineteatro Eduardo Brazão, Vila Nova de Gaia

Estes trabalhos arqueológicos enquadraram-se numa perspectiva de minimização de impacte face às obras de requalificação do Cineteatro.

Barragem Romana de Santa Rita, Vila Real de Santo António

O objectivo destes trabalhos foi caracterizar o estado de preservação da barragem e avaliar o valor patrimonial do imóvel.

Parque Eólico da Serra do Alvão

Visou-se a inventariação dos elementos patrimoniais existentes na área de afectação, a avaliação da importância patrimonial de cada uma das evidências detectados, assim como do impacte sobre o património decorrente da implementação do projecto, seguidos pela elaboração de uma proposta de Medidas de Minimização de Impacte.

Antiga Casa da Câmara de Alverca

As acções arqueológicas programadas visaram a identificação e levantamento das realidades estratigráficas visíveis (paredes e abóbodas) e não rebocadas do imóvel.

Conjunto de 25 moedas antigas, Vila Real de Santo António

Visou-se melhorar pontualmente, e na medida do possível, a legibilidade da superfície, a estabilização dos processos de corrosão e a aplicação de camadas de protecção, prevenindo a deterioração progressiva.

Casa da Câmara de Vila Real de Santo António

Os trabalhos de acompanhamento arqueológico efectuados no âmbito da remodelação do edifício da Casa da Câmara de Vila Real de Santo António inseriram-se no plano de reabilitação urbana do centro histórico.

Casas Mortuárias de Alhandra

Os trabalhos consistiram na realização de 5 sondagens de diagnóstico arqueológico com vista à avaliação e caracterização preliminar do potencial científico e patrimonial dos contextos arqueológicos presentes no local.

Subestação de Vila Pouca de Aguiar (220 kV)

Os trabalhos arqueológicos consistiram no acompanhamento arqueológico de toda a área, com a presença de um arqueólogo em todos os momentos da obra que implicaram a escavação ou afectação do subsolo e outros labores na área.

Linha Dupla Valdigem – Vila Pouca de Aguiar (REN)

Estes trabalhos arqueológicos foram preconizados na Declaração de Impacte Ambiental (DIA) no âmbito da empreitada de construção da Linha Dupla Valdigem – Vila Pouca de Aguiar, a 220KV.

Reabilitação da Muralha do Baluarte do Cavaleiro, Chaves

Os trabalhos arqueológicos realizados no âmbito do projecto de Reabilitação da Muralha do Baluarte do Cavaleiro visaram a mitigação de eventuais impactes negativos resultantes da execução da referida empreitada.

Fábrica de papel tissue, Vila Velha de Rodão

Durante os trabalhos de pesquisa e de prospecção arqueológica foram detectados 3 achados isolados que corresponderiam a vestígios da ocupação humana durante a Pré-história neste local.

Carta Arqueológica de Vila do Bispo

Esta intervenção visou uma actualização da Carta Arqueológica do concelho de Vila do Bispo e constituiu uma base fundamental para futuros projectos de inventariação, estudo, digitalização e divulgação do património arqueológico.

Praça Marquês de Pombal, Vila Real de S. António (obelisco)

A ERA-Arqueologia levou a cabo acções de conservação sobre o Obelisco localizado na Praça Marquês de Pombal, em Vila Real de S. António.

Capela de S. Lourenço – Vale de Boi, Vila do Bispo

Os trabalhos de acompanhamento arqueológico incidiram na empreitada de abertura de valas para colocação de lancis e instalação eléctrica em redor da Capela de S. Lourenço, bem como na colocação de infraestruturas de electricidade na Rua de S. Lourenço.

Centro Histórico de Tavira

O acompanhamento arqueológico enquadrou-se numa perspectiva preventiva e de minimização de impactes patrimoniais face às obras previstas no âmbito da empreitada de Execução das Infraestruturas e Requalificação do Espaço Público na Vila-a-Dentro

Abastecimento de Água e Saneamento de Águas Residuais, Chaves

Os trabalhos arqueológicos realizados no âmbito da obra de instalação da ETAR de Chaves decorreram como medida de minimização do impacte sobre o património existente no local.

Linha Bodiosa - Valdigem (400 kV), Armamar

Os trabalhos de prospecção e acompanhamento arqueológico efectuados visaram detectar vestígios patrimoniais que pudessem ser afectados no decorrer das remoções de terras.

Rua do Poço nº 62-64, Chaves

Os trabalhos arqueológicos enquadraram-se no âmbito de um projecto de remodelação, visando a minimização de impactes sobre eventuais vestígios patrimoniais, uma vez que o edifício se encontra localizado na ZEP da muralha medieval desta cidade.

Ruínas Lusitano-Romanas da Boca do Rio, Budens, Vila do Bispo

O objectivo foi o levantamento em placas do pavimento de mosaico e transporte do mesmo para instalações da Câmara Municipal de Vila do Bispo.

Sítio do Tonel, Sagres (parecer técnico)

A ERA efectuou um parecer técnico relativo à observação dos perfis resultantes da afectação do subsolo num edifício sito no Tonel, Sagres.

Pousada de Óbidos, Rua do Castelo, nº 1, Óbidos

A ERA levou a cabo, em 2011, o parecer técnico relativo ao projecto de ampliação da Pousada de Óbidos na área do conjunto classificado como Monumento Nacional.

Nova ETAR de Vila Nova de Milfontes

Esta intervenção enquadrou-se numa perspectiva de minimização de impactes sobre o património cultural decorrentes da construção de uma nova Estação de Tratamento de Águas Residuais.

Rua dos Panaçais, concelho de Vila Nova de Gaia

No âmbito do projecto de construção de uma moradia unifamiliar, executaram-se quatro sondagens de diagnóstico, visando-se abranger uma amostra significativa da estratigrafia presente no local.

Requalificação Urbana da Vila de Odemira

Foi programada a abertura de um conjunto de sondagens prévias de diagnóstico em locais com potencial arqueológico.

Avenida dos Bombeiros Voluntários, Parede (Cascais)

Esta intervenção decorreu no âmbito de um projecto de recuperação de uma moradia, encontrando-se o lote de terreno no perímetro do Povoado pré-histórico da Parede, classificado como Bem Cultural de Interesse Patrimonial.

Rotas das Linhas Defensivas de Torres Vedras, Núcleo da Serra da Aguieira

O diagnóstico do estado de preservação e plano de recuperação e arqueologia dos Fortes 40, 41 e 42, pertencentes ao circuito das Rotas Históricas das Linhas Defensivas de Torres Vedras foi requerido à ERA pelo Município de Vila Franca de Xira.

Avenida dos Combatentes da Grande Guerra e outras, Cascais

Estas acções de acompanhamento arqueológico foram executadas no âmbito do projecto de substituição de infraestruturas de água e saneamento básico no centro de Cascais.

Pousada de Óbidos, Rua do Castelo, nº 1, Óbidos

No âmbito das obras realizadas neste edifício, incluído no “Castelo e todo o conjunto urbano da vila de Óbidos”, esta intervenção implicou a afectação de áreas que poderiam apresentar potencial arqueológico.

Centro de Saúde de Alhandra, concelho de Vila Franca de Xira

No âmbito da construção do futuro Centro de Saúde de Alhandra, no local onde antigamente se situava a Igreja de S. Francisco, foram realizadas 15 sondagens arqueológicas, num total de 64 m2.

Necrópole da Igreja Matriz de Ílhavo

Na sequência da descoberta de restos osteológicos detectados em contextos preservados na área adjacente à Igreja Matriz de Ílhavo, estes trabalhos arqueológicos decorreram no âmbito da abertura de uma vala para saneamento pela Câmara Municipal de Ílhavo na Avenida Manuel da Maia.

Programa Polis do Litoral Sudoeste, Praia da Salema, Vila do Bispo

Estas acções de prospecção arqueológica sistemática decorreram nas áreas a afectar pelas empreitadas de valorização e qualificação de espaços balneares e de reposição das condições de ambiente natural, nomeadamente nas praias (futuros parques de estacionamento e acessos).

Programa Polis do Litoral Sudoeste, Praia do Burgau, Vila do Bispo

A prospecção sistemática visou a identificação, descrição, localização, classificação e inventariação de elementos de interesse arqueológico, histórico e etnográfico construído na área a afectar pela empreitada.

Blocos de Rega de Vale do Gaio, Herdade dos Lanças 2

Realizaram-se duas sondagens implantadas sobre manchas de forma tendencialmente circular que corresponderiam a duas estruturas negativas.

Blocos de Rega de Vale do Gaio, Monte do Azinhal

Foi programada a realização de uma sondagem arqueológica que permitisse a caracterização de uma estrutura já afectada e visível apenas em corte.

Blocos de Rega de Vale do Gaio, Monte dos Cabreiros 1

Realizou-se uma sondagem implantada sobre uma mancha de forma circular, parcialmente afectada na metade oeste durante a decapagem mecânica decorrente da obra, que corresponderia a uma estrutura negativa.

Blocos de Rega de Vale do Gaio, Monte do Barão 3

No âmbito do acompanhamento de obra haviam sido identificadas três manchas com materiais e duas interfaces negativas circulares. Perante estes contextos, foram realizadas cinco sondagens arqueológicas, num total de 16,25 m².

Blocos de Rega de Vale do Gaio, Ribeira do Carrasco 2

Realizaram-se 7 sondagens implantadas sobre manchas com diversas formas (irregulares, circulares e em “osso”), que poderiam corresponder a estruturas negativas.

Bloco de Rega de Brinches, Sub-Bloco Contendinha, Vila Jorge

Durante a primeira intervenção neste sítio foi escavada uma estrutura negativa de planta circular, de funcionalidade desconhecida. Numa segunda fase, identificaram-se duas novas fossas de natureza antrópica, situação que confirma a intensidade de ocupação humana nesta região.

Bloco de Rega de Ferreira, Figueirinha e Valbom, Vilas Boas 3

A escavação destas realidades revelou a existência de 15 fossas morfologicamente semelhantes, embora de dimensões variáveis, de plano circular, parecendo enquadrar-se num horizonte medieval

Bloco de Rega de Pias, Entregas 4

Caracterizado como uma mancha de ocupação cronologicamente enquadrada no período Medieval/Moderno, o sítio de Entregas 4 localiza-se a cerca de 2 km do centro da vila de Pias, concelho de Serpa.

Largo de Nossa Senhora da Guia, n.º 10, Ferrel, Peniche

Esta intervenção enquadrou-se numa perspectiva de diagnóstico, uma vez que a obra de construção de um novo edifício se encontrava dentro da área de proteção da Capela de Ferrel.

Supressão de Barreiras Urbanísticas no Centro Histórico de Chaves

A intervenção visou a deteção de vestígios arqueológicos que poderiam ser afetados pelo desenvolvimento das obras de supressão de barreiras urbanísticas e arquitectónicas e renovação de mobiliário urbano e sinalética no centro histórico de Chaves.

Lote 8 da Subconcessão da Auto-estrada Transmontana Vila Real/Bragança

Nesta intervenção visaram-se os seguintes procedimentos: identificação de novos elementos patrimoniais; relocalização de ocorrências patrimoniais que deveriam vir a ser diretamente afetadas; sugestão de medidas minimizadoras sobre o património identificado.

Palácio Vila Garcia, Lisboa

A ERA-Arqueologia apresentou uma proposta de metodologia de desmontagem e montagem da escadaria do alçado nascente do edifício A existente no Palácio Vila Garcia.

Rua General Sousa Machado, n.º 51, Chaves

O principal objetivo da intervenção consistiu em garantir a integridade física e química dos elementos de uma pintura mural de época Romana durante o processo de escavação arqueológica do espaço em causa.

Largo da Fonte da Vila, 6, Castelo de Vide

Considerando a localização deste edifício, numa das áreas mais antigas e ocupadas da vila de Castelo de Vide, estes trabalhos foram realizados numa perspetiva de diagnóstico arqueológico prévio à empreitada de reabilitação do imóvel.

Centro Multiusos (Antigo Cineteatro), Travessa Cândido dos Reis/Rua Santo António, Chaves

Estes trabalhos arqueológicos enquadraram-se no projeto de reabilitação do edifício do Cineteatro de Chaves, para instalação do Centro Multiusos/Palácio da Água de Chaves.

Rua do Cais de Gaia 226/Rua de Pereira da Costa, 31, V. Nova de Gaia

Os trabalhos arqueológicos realizados em fase prévia à empreitada de requalificação e adaptação de um edifício de cariz industrial em habitação multifamiliar situado na Rua do Cais de Gaia e Rua de Pereira da Costa, freguesia de Santa Marinha, Vila Nova de Gaia.

Fortaleza de Campo Maior

A ERA levou a cabo a realização de sondagens arqueológicas na zona exterior a Sul da Fortaleza de Campo Maior, onde se implantaria uma urbanização, no âmbito da ação da Câmara Municipal para Realojamento de Agregados Familiares em Situação de Ocupação Ilegal do Espaço Público.

Rede de Telecomunicações (fibra ótica) no Centro Histórico de Chaves

Estes trabalhos arqueológicos enquadraram-se na empreitada da Rede de Telecomunicações (fibra ótica) no Centro Histórico de Chaves, na área de proteção das Termas Medicinais Romanas de Chaves e das muralhas da cidade, ambos classificados como Monumento Nacional.

Obras de Requalificação da Zona Ribeirinha de Mértola

Estes trabalhos arqueológicos foram adjudicados pela Câmara Municipal de Mértola, tendo-se desenvolvido em áreas de potencial arqueológico, no perímetro de monumentos nacionais.

Cofinanciado por: